Blog do Juarez

Um espaço SELF-MEDIA


Deixe um comentário

Nilma Lino fica e cresce com o Ministério da Cidadania

image

Com a Ministra Nilma Lino

Após mais uma “tensa” reforma ministerial temos um novo quadro com duas notícias, a primeira (que precisa ser melhor avaliada) é a fusão das três Secretarias Especiais que atendiam mais diretamente às demandas dos movimentos sociais, a das Mulheres, a de Políticas de Promoção da Igualdade Racial e a de Direitos Humanos, a segunda (que de antemão é boa notícia) é que fica à frente da nova pasta, a Profa. Nilma Lino, que já era Ministra titular da Igualdade Racial, que em relação aos três nomes aventados anteriormente (Miguel Rosseto, Moema Gramacho e Benedita da Silva) todos petistas e por tal incensados e reivindicados pelo PT, Nilma Lino é a única reconhecida como “do Métier”, sem objeções generalizadas pelos movimentos sociais, e não tem filiação partidária, é mulher, negra e com histórico nos movimentos sociais (Benedita da Silva é um caso a parte, e sofre algumas objeções pelos movimentos sociais, apesar de ter sido Senadora, Governadora do RJ, Ministra da Assistência e Promoção Social, atualmente Deputada federal).

As Secretarias Especiais com status de Ministérios, sempre sofreram de uma “subnutrição crônica” com orçamentos muito modestos e estruturas reduzidas, espera-se que com a nova situação haja um “emponderamento” na estrutura, dotação e condição política no trato das questões pertinentes, inclusive em ações diretas e de fomento em outras pastas e instituições públicas e privadas.

Alguns ativistas demonstraram preocupação com a extinção ou incorporação da SEPPIR, eu particularmente há muito acho que a incorporação por um ministério de atribuições mais amplas poderia ser positivo (ainda mais com alguém que conheça e tenha compromisso com a causa negra, e representando a população afrobrasileira melhor ainda… escrevi sobre há uns anos ainda no DILMA I, SEPPIR, para que e até quando ?  https://blogdojuarezsilva.wordpress.com/2011/11/01/seppir-para-que-e-ate-quando/


Deixe um comentário

Reforma ministerial, acabado o carnaval será que sai ?

Assunto que muito interessa aos brasileiros é a reforma ministerial prevista para o início de 2012, após algumas trocas a coisa parece que deu uma arrefecida…, últimas notícias diziam que novas alterações  somente ocorreriam após o retorno da Presidente de sua visita à Cuba e Haiti (retorno ocorrido logo no início de fevereiro), como no Brasil  já existe a tradição que de fato o ano “começa para valer ” somente após o carnaval, findo esse é provável que se retome a movimentação.

A mim particularmente interessa saber como ficará a  situação da SEPPIR- Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, para qual  a maioria dos ativistas dos movimentos de negritude desejam mudanças atitudinais e de enfrentamento, que em tese só viriam com mudança de comando…;  o que até o início do mês estava sendo bastante cogitado, entre alguns nomes aventados, está o do Senador  do PT gaúcho Paulo Paim,  que em entrevista recente ao site AFROPRESS, foi muito direto sobre a questão e disse tudo aquilo que a maioria dos ativistas não ligados a partidos (e até alguns ligados) gostariam de ouvir; o ex-Presidente  Lula fez de público declaração (indicando ao Planalto) sua preferência por Paim…, além  dessa  há também algumas outras como a  do rapper  MV Bill ( que contatado parece não ter demonstrado interesse já que sua organização a CUFA- Central Única das Favelas é parceira do governo federal e sairia perdendo com sua entrada), o nome da Sambista e Deputada  Leci Brandão também foi cogitado, mas devido a problemas de composição partidária não está muito viável, todos o nomes me agradam bastante,  mas também vou de Paim…

Com os "ministeriáveis" Leci, Mv Bill e Sen. Paim