Blog do Juarez

Um espaço SELF-MEDIA


Deixe um comentário

CASO RACISMO NO ITAÚ (de novo)

“Pero no mucho…”

Lá vou eu de novo discordar da FHOUTINE MARIE, que acha inútil e ingênuas as propostas de boicote, e que somos reféns do capitalismo, não tem para onde correr…. .

Se estamos no capitalismo, então usaremos as regras dele para que nos respeitem…

Todo boicote tem dois efeitos, o primeiro é que uma vez publicizado ele arranha a imagem da instituição, instituição que como todas outras, em um mercado competitivo precisa investir milhões em publicidade positiva, mas consegue publicidade negativa de graça…, o que ao fim e ao cabo representa não apenas perda no investimento publicitário, mas também na captação financeira e perda para a concorrência… Isso obriga a ações corretivas e mais gasto para reverter a imagem negativa.

Dizer que “todo banco é igual e por isso não adianta boicote” ou que “o assalariado as vezes nem pode escolher o banco em que recebe o salário” é bem falacioso. Hoje tem portabilidade de salário…, não importa por onde o dinheiro entra, importa aonde ele vai permanecer por mais tempo e utilizado em investimentos e serviços como cartão de crédito, etc… . Qualquer um sem muita dificuldade pode ter hoje um conta digital em pequenos bancos que não fica nada a dever a uma nos grandes, pelo contrário oferece facilidades extras e sem taxas de serviço… .

O público a que me refiro é bem amplo, inclui gente que tem acesso a conta tradicional e os que não tem, tem gente muito próxima de mim que está sem emprego mas tem conta digital, os filhos sem emprego ou ganhando mal também tem…, vendedores ambulantes, trabalhadores informais de todos os tipos trabalham com maquininha de cartão atrelada a contas de pagamento (que tem as funções mínimas das contas digitais). Dados do fim do ano dizem que mensalmente estão sendo abertas de 500 mil a 1 milhão de contas digitais, até os dois primeiros meses de 2020 tinha estimativa de 15 milhões de contas.

Óbvio que tem gente que fica de fora dessa “inclusão bancária” e não é exclusão, endividamento ou submissão à lógica capitalista o assunto… nem a “inevitabilidade” que a Fhoutine direciona.

Temos um caso prático e uma solução prática, tem um banco com reiterados casos de racismo nas agências, esse banco tem inúmeros clientes negros, sempre passíveis de algum evento do tipo, estamos falando desses clientes ai que já estão lá ou dos que por um motivo ou outro também se agregariam à carteira de clientes.

A ideia de boicote tem dois alvos, fazer o banco mais uma vez visualizar e repensar formas de evitar as ações discriminatórias e a outra é LEMBRAR aos clientes negros do Itaú (e aos não-negros que se incomodam em estar em um banco com reiterados atos racistas) que eles NÃO PRECISAM seguir como clientes ou pelo menos movimentando a conta ou tratando de serviços nas agências do Itaú, nenhum deles tem o menor problema para ter uma conta digital em qualquer outro banco, em que podem fazer praticamente tudo sem ter que por os pés em uma agência… .

Se há situações como FGTS ou outras que obrigam clientes a ir à agências de qualquer banco, ou gente ainda excluída de acesso bancário, ou que inclusão bancária é adesão ao capitalismo já é outra história… .🤷🏿‍♂️

Para lutar é preciso saber avaliar o inimigo e atacá-lo aonde é possível e com as armas possíveis, a concorrência e os discriminados agradecem…😉


1 comentário

O que você faria? furto de Bicicleta (Cara Branco, Cara Negro, Moça Bonita)

Este é um “experimento social” (pegadinha) feito nos EUA, mas que não teria um desfecho muito diferente no Brasil…(exceto pelo fato de que talvez um ou outro ligasse discretamente para a polícia no caso cara branco, e muito provavelmente o cara negro teria sido linchado antes que tivesse chance de explicar qualquer coisa ou ser salvo pela equipe de produção…), infelizmente o vídeo não possui legendas nem tradução em português (até tentei baixar para legendar mas veio completamente sem som…), porém não importa a língua, as imagens valem por mil palavras, o que está acontecendo fica muito claro só observando as reações das pessoas…, alguém tem dúvidas da diferença de tratamento em função da cor ? (note que as roupas são similares,  local e situação são exatamente os mesmos…) e isso não acontece só em situações extremas e suspeitas, só sabe quem já viveu…

No Brasil foi feita experiência em vídeo semelhante (só que com as famigeradas portas giratórias de banco), advinha o resultado ? : http://www.contrafcut.org.br/noticias.asp?CodNoticia=24907&CodSubItem=36

E ai ? ainda acredita que não há “vantagens”  e “desvantagens” sociais por conta da cor ?, que julgamento de “mérito” não tem nenhuma relação direta ou derivada dessas  práticas que facilitam a vida de uns e dificulta a de outros ?.

 


Deixe um comentário

Chega de "coincidências"…

 

Para "fechar" as reflexões pertinentes à semana do 13 de maio, vamos refrescar um poucoa a memória recente dos brasileiros, principalmente daqueles que não acreditam em racismo e para os quais as fatalidades ou "dificuldades" enfrentadas pela população negra não passam de meras coincidências :

2004 – Dentista recém-formado assassinado por PMs, confundido com ladrão[http://oglobo.globo.com/cidades/sp/mat/2009/08/21/dentista-negro-foi-confundido-com-ladrao-morto-por-pms-em-2004-761220142.asp]

2006 Servidora de Tribunal e avó de dois netos, tem casa invadida por PMs, é arrastada com uma "gravata" de dentro de casa e constrangida em delegacia e hospital.
[http://www.direitos.org.br/index.php?option=com_content&task=view&id=1876&Itemid=2]

2006 – Cliente do Itaú é morto por segurança da própria agência[http://quilombosnews.blogspot.com/2006/12/cliente-do-ita-morto-por-segurana.html]

2009 – Vigilante da USP espancado acusado de tentar roubar o próprio carro.
[http://blogdojuarez.amazonida.com/wp/?p=267]

2010 Motoboy desempregado é preso e torturado por PMs e aparece morto na rua[http://www.news.afrobras.org.br/index.php?option=com_content&view=article&id=317:pms-sao-suspeitos-de-torturar-e-matar-motoboy-negro&catid=34:noticias&Itemid=55]

Menos de 30 dias depois…

Motoboy é morto em frente de casa por PMs [http://oglobo.globo.com/cidades/sp/mat/2010/05/11/para-governador-de-sao-paulo-pms-tinham-intencao-de-matar-motoboy-916551969.asp]

e para "fechar a edição" (isso porque ainda estamos no meio do mês…)

Morre aposentado usuário de marcapasso que levou tiro na cabeça disparado por segurança do Bradesco
[http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2010/05/familia-de-homem-baleado-na-porta-de-banco-em-sp-vai-doar-os-orgaos.html]

O que todas vítimas de tanta violência policial e "patrimonial" tem em comum ? além de serem pessoas de bem, sem passagem pela polícia e sem "perfil de bandido"… , por "COINCIDÊNCIA" são todos (ou eram) PRETOS…, como esses há muito e muitos outros casos, ocorridos sem grande alarde na imprensa.

Ah… !, talvez apenas por outra "coincidência", sejam jovens negros as principais vítimas de homicídio (tanto por bandidos quanto por excesso policial) 74,8 para cada 100 mil habitantes contra 41,8 para cada 100 mil habitantes no caso de jovens brancos…(quase o dobro).[http://www.direitos.org.br/index.php?option=com_content&task=view&id=5116&Itemid=1]

Talvez por "coincidência" todos os indicadores sociais indiquem prejuizo para os afrobrasileiros, na questão da empregabilidade, carreira, da educação, moradia,  saúde, intolerância religiosa, participação política e social…, enfim,  já está  bem chato… essa "coincidência resistente e ampla " ,   hora de mudar o jogo.

Cadê o Kamel ????


Deixe um comentário

Chega de "coincidências"…

blind

Para “fechar” as reflexões pertinentes à semana do 13 de maio, vamos refrescar um poucoa a memória recente dos brasileiros, principalmente daqueles que não acreditam em racismo e para os quais as fatalidades ou “dificuldades” enfrentadas pela população negra não passam de meras coincidências :

2004 – Dentista recém-formado assassinado por PMs, “confundido” com ladrãodentista-asssassinado-pm

[http://www.migalhas.com.br/Quentes/17,MI17453,51045-PMs+acusados+de+matar+dentista+sao+condenados+a+17+anos+de+prisao ]

2006 Servidora de Tribunal e avó de dois netos, tem casa invadida por PMs, é arrastada com uma “gravata” de dentro de casa e constrangida em delegacia e hospital.

avo-negra-agredida
[http://www.palmares.gov.br/?p=1722&lang=es]

2006 – Cliente do Itaú é morto por segurança da própria agência

cliente-morto-por-seguranca

[http://quilombosnews.blogspot.com/2006/12/cliente-do-ita-morto-por-segurana.html]

2009 – Vigilante da USP espancado acusado de tentar roubar o próprio carro.

januario-carrefour
[https://blogdojuarezsilva.wordpress.com/2009/08/19/homem-negro-espancado-no-carrefour-acusado-de-tentar-roubar-o-proprio-carro/]

2010 Motoboy desempregado é preso e torturado por PMs e aparece morto na rua

motoboy-assassinado2

[http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2010/04/testemunha-conta-como-homem-teria-sido-morto-em-quartel-em-sp.html]

Menos de 30 dias depois…

Motoboy é morto em frente de casa por PMs

motoboy-assassinado1

[http://oglobo.globo.com/cidades/sp/mat/2010/05/11/para-governador-de-sao-paulo-pms-tinham-intencao-de-matar-motoboy-916551969.asp]

e para “fechar a edição” (isso porque ainda estamos no meio do mês…)

Morre aposentado usuário de marcapasso que levou tiro na cabeça disparado por segurança do Bradesco

aposentado-morto-porteiro
[http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2010/05/familia-de-homem-baleado-na-porta-de-banco-em-sp-vai-doar-os-orgaos.html]

O que todas vítimas de tanta violência policial e “patrimonial” tem em comum ? além de serem pessoas de bem, sem passagem pela polícia e sem “perfil de bandido”… , por “COINCIDÊNCIA” são todos (ou eram) PRETOS…, como esses há muito e muitos outros casos, ocorridos sem grande alarde na imprensa.

Ah… !, talvez apenas por outra “coincidência”, sejam jovens negros as principais vítimas de homicídio (tanto por bandidos quanto por excesso policial) 74,8 para cada 100 mil habitantes contra 41,8 para cada 100 mil habitantes no caso de jovens brancos…(quase o dobro).[http://www.direitos.org.br/index.php?option=com_content&task=view&id=5116&Itemid=1]

Talvez por “coincidência” todos os indicadores sociais indiquem prejuizo para os afrobrasileiros, na questão da empregabilidade, carreira, da educação, moradia,  saúde, intolerância religiosa, participação política e social…, enfim,  já está  bem chato… essa “coincidência resistente e ampla ” ,   hora de mudar o jogo.

Cadê o Kamel ????