Blog do Juarez

Um espaço SELF-MEDIA

Novo espaço para os ritmos latinos & caribenhos em Manaus

Deixe um comentário

coco-bongo-manaus

O Estado do Amazonas faz fronteira com 3 países de língua espanhola (Colômbia, Peru e Venezuela) e por muito pouco não faz fronteira direta com a Bolívia (pois tem uma pequena faixa de terra do estado de Rondônia a separar Amazonas e Bolívia, mas é possível facilmente chegar lá de carro a partir de cidades do sul do AM), nesse contexto é óbvio que tradicionalmente sempre houve um trânsito de pessoas inter-territórios, além de uma interação cultural bem destacada com nossos vizinhos (e nos últimos 20 anos com o asfaltamento da BR-174 também com o Caribe , conseguimos saindo de Manaus ir direto de carro para as praias do Caribe venezuelano, mas não conseguimos ir para nenhum outro estado brasileiro além de Roraima, por tal a Ilha de Margarita já virou  a “praia dos amazonenses” ), isso sem contar a influência paraense que também possui uma alta carga de “tempero caribenho” devido a vizinhança das Guianas inglesa, francesa (via Amapá) e do Suriname .

Sendo assim, é natural que apesar de também sermos latino-americanos (mas enquanto brazucas, os únicos  de  fala não-hispânica [junto com os franco guianenses]  e com cultura um pouco mais  diferenciada), tenhamos em Manaus uma “certa intimidade” com a música popular desses países, principalmente a Cúmbia (ritmo favorito dos peruanos), que é comum ter um espacinho reservado nas seleções musicais das nossas casas de brega e bolerão…, coisa que não ocorre  de forma generalizada com outros ritmos como a Salsa e o Vallenato (preferência dos colombianos e venezuelanos),  o Merengue e o Zouk (caribenhos)  ou o Reggaeton (um tipo de RAP latininizado), nesses casos a coisa sempre ficou mais restrita aos espaços da comunidade “hispânica” em Manaus, ou as casas que abriam espaço limitado para as bandas especializadas nos ritmos, como a tradicional “Los latinos”, a “Conexão latina”, “Banda Salazar” e “Taty Corazon e banda”, que tocavam nas famosas quintas da Cervejaria Fellice, nos sábados do Terra Brasil, da Cervejaria Haus Bier  ou do Toc-Toc (frequentadas pela comunidade mas também pelo pessoal das academias de dança), porém ultimamente a única opção para quem curtia os ritmos estava sendo o restaurante “La Finca” (de comida colombiana e peruana) no bairro do D. Pedro.

Bom, depois dessa longa introdução/contextualização, vamos à boa notícia, foi inaugurado recentemente mais um espaço para os amantes dos ritmos latinos/caribenhos em Manaus, trata-se do COCO BONGO nightclub (calma !!!, não é uma filial, nem tem o porte do famoso night club de Cancún no México, mas apenas uma “homenagem” a esse ícone da noite latina), tocando a banda “Encanto latino” e com promessa de que surpresas e atrações vindas direto dos países vizinhos, estão para pintar…,  o COCO BONGO fica no bairro praça 14, na Av. Tarumã (altos, no antigo bilhar, entre a Visconde  de Porto alegre  e  a Duque  de Caxias), ah ! funciona aos sábados…,  tá dada a dica !.

Autor: Juarez Silva (Manaus)

Analista de T.I, Prof. Universitário, Tít. de Especialista em Educação a Distância (Univ. Católica de Brasília), Certificação em História e Cultura africana e afrobrasileira (FINOM-MG) e em Direitos Humanos e Mediação de Conflitos (SEEDH- Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República), Mestre em História Social pela UFAM - Universidade Federal do Amazonas, Ex-Conselheiro Estadual de DH; Analista Judiciário do Quadro efetivo do Tribunal de Justiça do Amazonas. Ativista dos Movimentos Negros.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s